21 de ago. de 2020



As Instituições de Saúde Porto-Alegrenses

Hospital Psiquiátrico São Pedro


Fernanda Sayão Lobato Teixeira

O Hospital São Pedro, ou nomeado na época como Hospício São Pedro, teve sua fundação datada em 13 de maio de 1874, recebendo esse nome em homenagem ao padroeiro da Província da São Pedro e é a primeira instituição psiquiátrica do sul do Brasil. Localizado na antiga Estrada do Mato Grosso, atual Avenida Bento Gonçalves no Arraial do Partenon, o hospital somente foi aberto ao público dez anos após a sua fundação, exatamente no dia do padroeiro São Pedro, em 29 de junho.
O projeto foi feito pelo engenheiro Álvaro Nunez Pereira e o patrono da obra, o ex-Provedor da Santa Casa de Misericórdia, Sr. José Antonio Coelho Junior, por ordem do Presidente da Província, José Júlio Albuquerque de Barros. Mesmo a obra estando inacabada, foram transferidos 41 pacientes para alas especiais da Santa Casa.
De 1884 a 1889, o Hospício São Pedro foi uma instituição que atuou como mecanismo institucional terapêutico e de regulação social. A partir de 1947 aos anos 90, foram implementadas diversas atividades no hospital, proporcionando uma redução de volumosas internações de pacientes, a participação do Serviço Social Psiquiátrico, aparelhamento tecnológico e o estabelecimento do ‘’Serviço de Penicilinoterapia’’. Alem destas, houve também a inauguração do Gabinete de Identificação, o funcionamento do curso de Formação em Psiquiatria, extensão da Faculdade de Medicina da UFRGS.

Em 6 de maio de 1885, foi autorizado pela presidência da província, a criação de um viveiro de árvores na chácara do antigo Hospício São Pedro, para a arborização das ruas e praças da cidades. 

Devido ao incremento das internações e o abandono dos pacientes pelos seus responsáveis, estimularam o termino da construção do hospital. Uma década depois após a sua inauguração, graças a Júlio de Castilhos e apoiado por uma campanha feita pelo Jornal A Federação, a Companhia Carris Urbanus, fixou seu terminal em frente ao hospital São Pedro. Isso permitiu o acesso dos sociáveis cordatos aos pacientes internados.
No inicio do ano de 1910, através de um convite feito pelo presidente do hospital, quatro irmãs da Congregação São José, duas delas vindas da Itália, chegaram no hospital. 54 anos depois, um grupo de 84 irmãs dedicaram seu tempo para auxiliar os enfermos da instituição, humanizando e dignificando as relações.
Com o passar dos anos, o hospital recebeu as seguintes denominações: Hospício São Pedro (1884-1925), Hospital São Pedro (1925-1962) e Hospital Psiquiátrico São Pedro (1962-2007). 
Em 1998, começou o trabalho de resgate da memória do hospital, com a criação de uma comissão que daria início as obras do Memorial Cultural do Hospital Psiquiátrico São Pedro, assim buscando arrecadar fotos, objetos e documentos a respeito da instituição psiquiátrica. É um dos museus mais visitados em Porto Alegre, contando com 90% das visitas feitas por estudantes de universidades do estado e de Santa Catarina.



Objetos da antiga farmácia do Hospital Psiquiátrico São Pedro, pela qual a responsável a partir de 1916 foi 
a Irma Maria do Rosário, pertencente a ordem de São José. Os medicamentos foram inseridos no hospital a partir de 1896. 








Livro de visitantes do museu inaugurado com a assinatura da Princesa Isabel seis meses depois da inauguração do hospital. 
A Princesa Isabel esteve presente na Província de São Pedro em 30 de janeiro de 1885. 


Atualmente o HPSP conta com 470 pacientes na área asilar e residentes terapêuticos, além de 130 leitos de internação. A instituição mantém convênio com 36 entidades, entre elas sete escolas técnicas e 29 faculdades. O hospital está na lista dos 40 hospitais e instituições psiquiátricas do Rio Grande do Sul em situação degradante, constando irregularidades, como pacientes fazendo atividades pelas quais funcionários convocados deveriam exercê-las, violação de direitos e violência.  




Referências:

GAÚCHA ZH. Saúde. Relatório identifica situação degradante em 40 hospitais e instituições psiquiátricas. Dez. 2019. Disponível em: https://gauchazh.clicrbs.com.br/saude/noticia/2019/12/relatorio-identifica-situacao-degradante-em-40-hospitais-e-instituicoes-psiquiatricas-ck3p4zygy01zv01rzqwipj8qw.html

PICININI, Walmor J. História da Psiquiatria: Um Pouco da História do Hospital Psiquiátrico São Pedro. Disponível em:  http://www.polbr.med.br/ano07/wal0607.php

Porto Alegre. Prefeitura Municipal. Secretaria Municipal da Cultura, Arquivo Histórico Moysés Velhinho - 
Catálogo das Atas da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, ano de 1876 - volume XII - Porto Alegre: Unidade Editorial da Secretaria Municipal da Cultura, 2004. 303 p.

RÁDIO WEB SAÚDE UFRGS. Evolução das Instituições de Saúde – Hospital Psiquiátrico São Pedro. Disponível em: https://www.ufrgs.br/radiowebsaude/2013/05/18/evolucao-das-instituicoes-de-saude-hospital-psiquiatrico-sao-pedro/

REVISTA DE PSIQUIATRIA DO RIO GRANDE DO SUL. 120 anos do Hospital Psiquiátrico São Pedro: um pouco de sua história. Vol. 23, n 6. Porto Alegre, Mai/Mar 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0101-81082004000200002&script=sci_arttext

SIMERS. Conheça um pouco da história do Memorial Cultural Histórico Psiquiátrico São Pedro. Nov. 2016. Disponível em: http://www.simers.org.br/noticia/conheca-um-pouco-da-historia-do-memorial-cultural-do-hospital-psiquiatrico-sao-pedro

TORELLO, Giovanni. Psichiatry on line Brazil. História da Psiquiatria: Um pouco da Historia do Hospital Psiquiátrico São Pedro. Jun 2017, vol. 12 – n 6. Disponível em: http://www.polbr.med.br/ano07/wal0607.php

Wikipédia, a Enciclopédia Livre. Hospital Psiquiátrico São Pedro. Disponível em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Hospital_Psiqui%C3%A1trico_S%C3%A3o_Pedro

0 comentários:

Postar um comentário

 

© 2009AHPAMV | by TNB