27 de jul de 2017

Arquivo Histórico Moysés Vellinho digitaliza 

documentos dos períodos colonial e imperial



Cerca de 170 livros e centenas de documentos dos períodos colonial e imperial, relacionados à vida e administração da capital e do Estado, estão sendo digitalizados pelo Arquivo Histórico de Porto Alegre Moysés Vellinho. Datado de 1764 a 1889, o material reúne deliberações administrativas, financeiro-econômicas e judiciais dos períodos do Brasil Colônia e Brasil Império e retratam a forma de descentralização da gestão nestes períodos, entre outros fatos.  
 
São correspondências, registros de eleições, registros de nomeação, livros-caixa, processos judiciais e até registro de marcas de gado, além de atas de vereança e outros documentos referentes à Câmara Rio Grandes de São Pedro (1764 a 1809) e de Porto Alegre (1810 a 1889).  O projeto de preservação e acesso a esses documentos foi apresentado ao Programa de Apoio ao Desenvolvimento de Arquivos Ibero-Americanos em 2015, de onde recebeu suporte financeiro, e teve início em maio deste ano.

A meta é ter 100% do material digitalizado até fevereiro de 2018, organizado e disponível para consultas online. Com isso, explica Vera Lúcia dos Santos, diretora do Arquivo Histórico Moysés Vellinho, além de facilitar o acesso e ampliar o número de pessoas que poderão estudá-lo, não será mais preciso manusear a documentação, evitando danos ao acervo. 

 “Passamos da metade do trabalho, creio que temos 60% do projeto já digitalizado, São documentos importantes e bastante procurados por estudantes de história, por exemplo, mas também por alunos e professores de muitas outras áreas, que agora poderão acessá-lo de qualquer lugar”, comemora Vera.

O projeto, complementa a atual diretora do Arquivo Histórico, teve início em 2012, ainda na gestão de Rosani Feron, e resultou no Guia de Fundos, que pode ser acessado no endereço http://bit.ly/2h3eZel.


0 comentários:

Postar um comentário

 

© 2009AHPAMV | by TNB