24 de ago de 2012

GETÚLIO VARGAS: O 24 DE AGOSTO DE 1954 NA HISTÓRIA




     Político controverso, com muitos inimigos, teve na  trágica morte a consagração popular. Houve violentos protestos quando da notícia do suicídio, inclusive com apedrejamento de sedes de jornais  de oposição. Um cortejo de 150.000 pessoas acompanhou o corpo de Getúlio do Catete até o Aeroporto  Santos Dumont  no embarque para São Borja,onde foi sepultado.
       No RGS, o  Decreto n. 767,assinado pelo prefeito em exercício Ludolfo Boehl, (substituindo o prefeito Ildo Menegheti)determinou 08 dias de luto oficial,com ponto facultativo nos  03 primeiros dias,talvez para que os  admiradores de Getúlio pudessem ir a São Borja acompanhar os funerais.Este decreto está publicado  no volume da  legislação de 1954,Lei,Decretos e Atos,editado pela Prefeitura Municipal de Porto Alegre,na coleção pertencente à biblioteca do Arquivo Histórico de Porto Alegre.
       Quem deseja reconstruir os  episódios  de  agosto de 54 encontrará,também,informações na nossa hemeroteca: Correio do Povo de agosto de 1954;Revista do Globo-quinzena de 18 de setembro a 1 º de outubro. Como a quinzena anterior era de 21 de agosto a 17 de setembro, as notícias  sobre a morte de Getúlio só  foram publicadas em setembro. Além disso, há um conjunto de suplementos de jornais e uma revista, Getúlio, edição especial da Editora  Abril.
















0 comentários:

Postar um comentário

 

© 2009AHPAMV | by TNB